Crítica: Os Cavaleiros do Zodíaco – A Lenda do Santuário

Esse filme, com certeza, é o que eu mais estava esperando para assistir, devido à nostalgia, pela chance de ver Seiya, Shiryu, Hyoga, Shun e Ikki novamente na telona e pela emoção de escutar novamente Meteoro de Pégaso! Cara, é muito louco!

Critica_CDZ_04

Comemorando os 20 anos da estreia do anime no Brasil, temos o lançamento do quinto longa de Os Cavaleiros do Zodíaco, e ele é bastante diferente de tudo que foi feito até então.

Na história, para defender a Deusa Atena e colocá-la em seu lugar de direito, os Cavaleiros de Bronze lutam para superar o Mestre do Santuário e os poderosos Cavaleiros de Ouro, guardiões das 12 casas. Sim, temos a saga das 12 casas, só que numa versão resumida em 93 min.

Vamos às mudanças. O filme é feito em CGI, o que causou muita polêmica e discussão entre os fãs por causa  das mudança dos visuais dos personagens, algo que você vai se acostumar rápido. O layout das armaduras foi outro ponto que gerou muito alvoroço, mas elas estão mais verdadeiras e funcionam muito bem no CGI.

Critica_CDZ_03

Os Cavaleiros do Zodíaco – A Lenda do Santuário é um filme muito divertido, mas devido ao curto tempo de duração, muitos detalhes que são mostrados ao longo da saga clássica não são citados e até deixados de lado. Os personagens também sofreram alguns cortes, e quem é fã vai sentir falta de alguns detalhes da historia individual dos protagonistas e as motivações que os levaram a se tornar cavaleiros e proteger Atena. Talvez isso não faça diferença para a nova geração, que deve se divertir muito e curtir as batalhas e os belos efeitos gerados pela CGI.

Mas para quem é fã das antigas, escutar a dublagem original foi simplesmente sensacional.

Critica_CDZ_01

Falando como fanboy maluco que ficou vibrando e se divertiu (e que esperou muito para rever os Cavaleiros do Zodíaco novamente no cinema), o filme vale. Ele inova em muitas coisas e tem um visual diferente do clássico, mas serve para trazer novamente os Cavaleiros de volta à mídia. Vamos aguardar para saber o que o futuro reserva para os Defensores da Saori.