Crítica: Solteiros com Filhos

Galera no nesse mundo “muderninho” em que nós vivemos tudo agora é em favor da praticidade e a área de relacionamentos também entra cada vez mais nisso. São poucas as pessoas hoje em dia que querem firmar uma relação como antigamente, muitas vsam suas carreiras ou sua liberdade ou mesmo, como a dupla principal de Solteiros com Filhos (Friends with Kids), querem evitar as partes ruins e constrangedoras da relação à dois.

Jason (Adam Scott) e Julie (Jennifer Westfeldt) são dois grandes amigos que vendo a vida de seu grupo de amigos passando para o próximo estágio, o da maternidade, decidem um acordo um tanto inusitado: Terem e criarem um filho juntos, mas sem terem um relacionamento. Já posso até ver sua cara, querido leitor, pois é a mesma que os amigos do casal fizeram:”Filhos sem casar, mas que idéia idiota !”. E até que por um tempo você pensa que vai dar certo mas depois, como em todo relacionamento, mesmo não sendo um, as coisas começam a se complicar.

Cara o filme tem excelentes piadas, principalmente no que diz respeito ao tema do filme, mas Jennifer Westfeltd, que além de atuar também escreveu e dirigiu a fita, peca em dois pontos que não chegam a prejudicar por completo mas tiram bastante a graça do filme: Ao ver o cartaz você tem a impressão de que vai ver um filme com 6 amigos, mas ela ignora completamente o desenrolar dos casais, tornando-os contra-pontos ao casal principal, uma espécie de “olhe o que poderíamos nos tornar se fôssemos casados”. Então temos Leslie (Maya Rudolph) e Alex (Chris O’Dowd) como o casal que rala pra criar os filhos (meus personangens preferidos no filme, ambos são hilários) e Missy (Kristen Wiig) e Ben (Jon Hamm) como o casal cuja chama apagou e vivem juntos em função do filho. E aqueles que deveriam ser os coadjuvantes, Kurt (Edward Burns) e Maryjane (Megan Fox, no primeiro filme adulto em que a vejo. Quis dizer adulto tipo “não caricato” e não “adulto pôrno”) aparecem muito bem mas simplesmente somem da fita sem a menor explicação.

Apesar da fita começar a se arrastar até o seu óbvio final, ele cumpre bem o seu papel de mostrar as nuances de um relacionamento e que não existe atalhos e nem receita de bolo pra esse tipo de coisa. Mas tente ignorar isso e você terá uma comédia bem interessante, com excelentes piadas e sem aquelas coisas constrangedoras, mas sim piadas que surgem das situações que os personagens passam no momento. No mínimo vai fazer você pensar como quer levar sua vida de casal ou sua vida moderninha, senão vai dar umas risadas e tá tudo certo.

 

Friends with Kids, EUA, 2012 – 100 min.

Elenco: Jennifer Westfeltd, Adam Scott, Maya Rudolph, Chris O”Dowd, Kristen Wiig, Jon Hamm, Megan Fox e Edward Burns.

Direção: Jennifer Westfeltd.